Comunicado Importante

Agradecemos a todos que nos visitam e solicitam os links, mas o Google fudeu conosco e retirou todos os links. O blog está desativado por tempo indeterminado, nos desculpem pelo inconveniente. Procurem o material desejado nos nossos parceiros.

domingo, 29 de junho de 2008

Bambix - Club Matuchek (2004)

Bambix
Nijmegen, Holanda
Estilo/Gênero: Hardcore



Atendendo ao pedido da Mayra "oldschool" C.


Formação:

Willia van Houdt: Vocal/Guitarra.
Peter Dragt: Bateria.
Patrick Turner: Baixo.

Myspace: www.myspace.com/bambix

Bambix é uma banda holandesa de Hardcore. Puxa pra um lado melódico com vocal feminino, mas que não exagera no "feminismo", não cantando tão fino e delicado. Não sei se a homossexualidade da líder da banda influência em sua voz, inclusive com letras que falam sobre isso como "Revolution", "No Way", "So Sorry Song" (Com o refrão "A so sorry song, but i'm not the one for you / Cuz I like girls like me and i hate boys like you")

Com letras que falam sobre fatos cotidianos da personagem, questões existenciais e tudo isso ai... Com marcação típica do HC melódico: base do vocal cantando por 8 tempos e depois o refrão marcante, que normalmente dá nome à música, ausência de solos, etc.

Possui um equilíbrio muito bom entre músicas mas rápidas e com um som mais pesado,e músicas mais "baladinhas" com refrão pegajoso e um pouco mais lento.

Tocaram em grandes festivais como Deconstruction, Earect, Dynamo, Rostock. Foi a primeira banda a tocar na Yugoslávia após a guerra.

Mas como sempre, sinto que meu texto e minha opinião não são suficientes, então sempre busco algum texto mais técnico pela rede, e o que segue abaixo foi retirado do site showlivre.com.br

"Em 1992, Willia van Houdt fundou a banda que viria a ser um dos maiores nomes do hardcore melódico europeu: Bambix. Originária da Holanda, precisamente de uma cidadezinha chamada Nijmegen, a banda, cujo nome foi tirado de uma famosa marca de laticínios holandesa, começou com três garotas e hoje está em sua sexta formação trazendo Wick Bambix - a Willia - como vocalista, guitarrista e letrista, o italiano Patrick Turner no baixo e o baterista Peter Dragt. A sintonia do trio é perfeita e o som do Bambix pode ser definido como punk metal melódico aliado à velocidade do hardcore, e tem como característica marcante o esplêndido vocal de Wick, que é poderoso, intenso e cheio de personalidade. As letras da banda são repletas de consistência e questões políticas e inquietantes.

Bambix já se tornou presença garantida em festivais holandeses, alemães e belgas; passou por vários países da Europa; nos Estados Unidos e já esteve no Brasil quatro vezes, sendo a última em maio de 2008. O super trio holandês também dividiu o palco com amigos famosos como o Bad Religion, Pennywise, Fabulous Disaster, GBH, Good Ridance, Slipknot, Ataris, Nofx, só para citar alguns nomes.

Nas passagens pelo Brasil, Bambix ganhou amigos, admiradores, momentos inesquecíveis e deixou muitos fãs apaixonados. Tudo isso fez do Brasil “o melhor país para se excursionar” -palavras da própria Wick, que não esconde a preferência pela energia e pelo calor brazuca. Ainda no Brasil, gravaram o primeiro CD ao vivo, Bambix, Live at Hangar 110-SP (2003), gravado no templo do hardcore. Este super disco registra as performances eletrizantes dos competentes holandeses acompanhadas por um imenso coro extasiado. Notáveis bandas fizeram suporte para o Bambix como os amigos e anfitriões do Nitrominds, Fistt e Dead Fish.

Na bagagem da banda estão: 7 CD’s lançados além de participações em diversas coletâneas. O Bambix também está nos maiores sites de punk e hardcore do mundo e ainda foram destaque nas melhores revistas e fanzines especializados do Brasil, Holanda e Alemanha. O CD What’s In A Name lançado na Europa em 2000 e no Brasil em 2001, foi lançado nos Estados Unidos em 2004 pela gravadora americana “Daemon”.

Além deste grande feito, o Bambix assinou contrato com o melhor selo de hardcore do mundo, o poderoso “GO Kart”, que é de Nova Iorque e já lançou o sexto CD da banda, Club Matuchek. No ano seguinte, lançaram o Bleeding in a Box, cujas faixas foi vistam ao vivo pelos brasileiros em maio, durante a última mini tour da banda por aqui.

Por Mariana Tavares "

Só um adendo:> Esse disco ao vivo no Hangar 110 mencionado no texto acima, eu tenho e pretendo postar em breve, se demorar muito me cobrem!

2 comentários inúteis:

Hellraiser disse...

Saudações, BlackHammet.

Bambix foi uma grande pedida mesmo. Não se deixe enganar por rótulos de HC Melódico pois, algumas vezes, por trás deles, escondem-se verdadeiros incentivadores do declínio da sociedade ocidental.
É esse o caso aqui.

Como diriam os gladiadores (tradução livre, é claro):
"os que vão morrer (pogando)
te saúdam!".

Mayra "oldschool" C. disse...

Aê, galera do Brabera!
Valeu pelo post da Bambix!
Dá até gosto de pedir assim!
Té mais.

 

blogger templates | Make Money Online