Comunicado Importante

Agradecemos a todos que nos visitam e solicitam os links, mas o Google fudeu conosco e retirou todos os links. O blog está desativado por tempo indeterminado, nos desculpem pelo inconveniente. Procurem o material desejado nos nossos parceiros.

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

No Mercy.
Venice, California. EUA.
Estilo/Gênero: Thrash, Crossover.



Saudações, mortais.
Eis aqui a No Mercy, banda formada em 82 pelo vocalista Keven Guercio, pelo guitarrista Mike Clark, pelo baixista Ric "Rancid" Clayton e pelo baterista Sal Troy. Guercio participou das primeiras demos e das faixas que integraram a compilação "Welcome to Venice", de 1985. Deixou a banda e foi substituído por ninguém menos que Mike Muir, vocalista da clássica banda "Suicidal Tendencies". Em 87 a No Mercy lançou o primeiro e único álbum oficial: "Widespread Bloodshed Love Runs Red". Quando a banda se preparava pra gravar um segundo álbum Clayton e Troy decidem deixar a banda. Foi então que Mike Muir decidiu unir suas duas bandas e levar o guitarrista Clark para a S.T. O resultado foi tão positivo que as faixas "Master of No Mercy," "Controlled by Hatred," "My Own Way of Life" e "Waking the Dead", originalmente gravadas pela No Mercy, foram regravadas pelo Suicidal no álbum "Controlled by Hatred/Feel Like Shit...Déjà Vu".
O resto é lenda.
"Almas atormentadas, tremei!"

2 comentários inúteis:

Rodrigo disse...

O único problema desse disco é a péssima produção,tanto que se ouvirmos as músicas que o Suicidal regravou posteriormente,elas nem parecem as mesmas,pois contaram com uma produção mais decente!

Hellraiser disse...

Saudações, Rodrigo.
Concordo com você. Eram tempos de produções precárias, pouco investimento e ainda por cima, underground. Mesmo assim, trata-se de um belo registro da época em que as bandas nasciam antes dos planos de marketing das gravadoras.
Obrigado pelo comentário e até!

 

blogger templates | Make Money Online